segunda-feira, janeiro 19

Vitória em Monte Trigo dá subida ao 2º lugar



No passado domingo a nossa equipa sénior deslocou-se ao dificil terreno do Monte Trigo para disputar mais uma jornada da divisão de Elite onde acabou por sair vitoriosa com o resultado final de 1 - 3. Apesar das condicionantes da equipa da casa o SP.Viana procurou encarar o jogo sem qualquer facilitismmo pois só os 3 pontos interessavam para que não se descolasse dos lugares cimeiros. O SP.Viana viria a chegar ao golo por Setubal que  solto de marcação aparece na área contrária e cabeceia para golo após a marcação de um livre. Como já é normal nos jogadores do Monte Trigo nunca dão um lance como perdido e mesmo a terminar a 1ª parte chegam ao empate a 1-1. Na 2ª parte não entramos bem no jogo e com alguma apatia não conseguimos tomar conta do jogo em definitivo, permitindo aos jogadores do Monte Trigo ganhar alguma confiança e a espaços nivelarem os acontecimentos. O SP.Viana acabou por ter a vida facilitada após a expulsão de um jogador da casa por acumulação de amarelos, pois a equipa local acusou em demasia a questão de jogar com 10 jogadores e não ter suplentes para refrescar a equipa. Acabamos por chegar ao 1 - 2 com German a finalizar uma boa jogada colectiva e pouco depois surge o 1 - 3 por intermédio de Coxola. Apesar de não ter sido uma exibição para mais tarde recordar acabamos por somar os 3 pontos e  subir ao 2º lugar após a derrota do Lusitano no Redondo.

 
Jogaram: Tiago, Setúbal, Brunny, Luis Rodrigues, David, Mesquita, German, Levy, Kelvin, Carrasco e Nhuka.

Jogaram ainda: Luís Coxola, Conchinha e Jorge.

Não utilizados: Luís Figo, Zé Pedro, João Sousa e Cláudio.

segunda-feira, janeiro 12

Seniores - SP.Viana 4 - Calipolense 0


Jogou-se este domingo mais uma jornada da Elite da AF Évora onde o SP.Viana recebeu e venceu por 4-0 a equipa do Calipolense. Para não perder terreno para as equipas da frente estávamos obrigados a vencer um adversário que está na cauda da tabela classificativa e que esta época tem vindo a mostrar muitas fragilidades. Apesar das condicionantes do nosso adversário foi mesmo o Calipolense a levar perigo para a nossa baliza nos minutos iniciais com Tiago em bom plano a evitar o golo. A partir desse momento o SP.Viana mostrou-se mais controlador da partida e com mais posse de bola levava o perigo á baliza do adversário. Com alguma naturalidade a nossa equipa chega ao golo inaugural por German e até final da 1ª parte acaba por construir o resultado com golos de Cláudio, Nhuka e Levy. Na 2ª parte o jogo baixou muito de ritmo, com o Calipolense muito confinado ao seu reduto ofensivo e com o SP.Viana com alguma apatia em demasiado, levou a que o resultado não sofresse alterações e que os respectivos 3 pontos ficassem no Faria e Melo. 

Jogaram: Tiago, Zé Pedro, Setúbal, Brunny, Luís Rodrigues, Mesquita, Jorge, German, Levy, Cláudio e Nhuka.

Jogaram ainda: Luís Coxola, Luís Figo e Carrasco.

Não utilizados: Kelvin, David, João Sousa.

Benjamins - Futsal - SP.Viana B 0 - SP.Viana A 6



No passado domingo as 2 equipas ( A e B) do Sporting de Viana voltaram a estar frente a frente, mas desta vez em jogo a contar para a 2ª Jornada da Taça de Évora. Mais uma vez os nossos jovens jogadores estiveram em bom plano e dos dois lados se viu boas jogadas, entrega ao jogo e acima de tudo muita força de vontade destes jovens em aprender e melhorar jogo após jogo. O resultado final ditou 0-6 para a equipa A, que apesar de ter vencido o jogo teve uma excelente réplica dos mais novos da B que mais uma vez deixaram boas indicações futuras.

Golos: Luís (4) e João Peralta (2).

sábado, janeiro 10

Benjamins - Futebol 7 - SP.Viana 7 - Juventude de Évora B 1


Jogou-se hoje de manhã mais uma jornada do Campeonato Distrital de Futebol de 7 em que o SP.Viana recebeu e venceu a equipa do Juventude de Évora por 7-1 num jogo relativo á 12ª jornada da prova. Tratava-se de um jogo muito importante para o nosso principal objectivo, que é a passagem á 2ª fase e respectivo apuramento do Campeão Distrital, já que em caso de vitória ficaríamos matematicamente apurados, tendo em conta que a faltar 2 jogos para o final somávamos mais 6 pontos que o 3º lugar. O jogo acabou por correr de feição mas pela frente tivemos uma equipa do Juventude que teem vindo a trabalhar de forma exemplar e com clara evolução de jogo para jogo. Os 2 primeiros períodos foram muito equilibrados com algum ascendente da nossa equipa que poderia ter chegado ao golo num lance em que Pedro Branco remata fraco. O golo acabaria mesmo por chegar perto do intervalo com João Peralta em jogada individual a fazer um golo de belo efeito. Ao intervalo rectificaram-se alguns pontos e apelou-se a uma forma activa de estar no jogo e os jovens jogadores do SP.Viana assimilaram a informação de forma excelente e no 3º periodo entraram muito fortes e começaram a alargar a vantagem com golos para todos os gostos. No 4º e ultimo periodo a nossa equipa relaxou em demasia e viu o adversário chegar ao golo, fazendo com que o placard final dita-se uns esclarecedores 7-1 para o SP.Viana. Mais uma boa exibição da nossa equipa perante um adversário que valorizou ainda mais a obtenção dos 3 pontos pela forma com se apresentou em Viana. Em relação aos nossos jovens jogadores só temos mesmo que dar os parabéns e enaltecer mais uma "barreira" ultrapassada com esta passagem á Fase de Campeão, onde iremos estar entre as 8 melhores equipas desta época desportiva...


Golos: Luis (2) , João Peralta (1), Ricardo (1), Tiago (1), Afonso (1) e David Casquinha (1).

domingo, janeiro 4

Tarde negativa na finalização e Nuno Brás ditam derrota do SP.Viana



Este domingo a nossa equipa sénior deslocou-se ao renovado complexo desportivo do Escoural em mais um jogo da Divisão de Elite da AFE e acabou por averbar a 4 derrota da época ao perder o encontro por 1-0. Conhecedores das dificuldades que teríamos pela frente nesta deslocação procuramos entrar forte e chegar cedo ao golo, mas do outro lado estava uma equipa muito personalizada na sua forma de defender, com um bloco muito baixo e sempre com o objectivo de lançar rápidas e perigosas transições aproveitando alguma balanceamento ofensivo do SP.Viana. 

A nossa equipa entrou bem no jogo criando algumas oportunidades de alvejar a baliza de Nuno Brás, destacando 2 remates após a marcação de 2 cantos em que Setúbal cabeceia com perigo. O golo não surgiu e a equipa da casa mostrou-se um pouco mais atrevida e passou pelo melhor momento na partida em que poderiam mesmo ter chegado á vantagem com Brunny a salvar sobre a linha de golo. Já bem perto do intervalo mais 2 momentos importantes em que não conseguimos ser felizes e chegar á vantagem, primeiro num remate potente de Luís Rodrigues em que um jogador da equipa da casa corta a bola e por muito pouco não faz auto-golo e quase de seguida na marcação de um canto Setúbal obriga Nuno Brás a uma defesa excepcional, ele que teve uma tarde de elevadíssimo nível consegue segurar o empate a zero no final dos primeiros 45 minutos.

Na 2ª parte o SP.Viana tem uma entrada fortíssima em que deixa o Escoural algo atónito e cria 3/4 situações claras de golo mas como se veria no final da partida os nossos jogadores tiveram um dia para esquecer na altura de finalizar e ainda por cima tiveram pela frente um Nuno Brás de "outro mundo" que defendia tudo o que havia para defender...Como acontece na maior parte de situações semelhantes quando uma equipa cria um numero tão grande de oportunidades e não marca é o adversário a marcar, e este jogo não fugiu á regra...quando ninguém o esperava o Escoural ganha um canto, aparece um cabeceamento ao 2º poste, Tiago defende e na recarga Vítor Pires limita-se a encostar para a baliza. Em desvantagem o SP.Viana arrisca tudo e volta a levar muito perigo á baliza contrária mas com falhanços incríveis ou com defesas fenomenais do guarda redes local o SP.Viana não consegue chegar ao golo e vê o Escoural somar os 3 pontos. Resultado injusto num jogo em que os nossos jogadores muito lutaram e tudo fizeram para trazer os 3 pontos do Escoural mas as vitórias alcançam-se através dos golos e a verdade é que o Escoural marcou e a nossa equipa não foi capaz de o fazer. Tarde infeliz que não mancha a boa campanha que a equipa tem vindo a realizar, mostrando que o futebol tem destas coisas e nem sempre o resultado final é justo e condizente com aquilo que se passou dentro das 4 linhas.


Jogaram: Tiago, Luís Rodrigues, Setúbal, David, Brunny, Mesquita, Djerman, Conchinha, Carrasco, Nhuka e Kelvin.

Jogaram ainda: Luís Coxola, Jorge e Cláudio.

Não utilizados: Luis Figo, Levy, Zé Pedro e João.

quarta-feira, dezembro 31

domingo, dezembro 28

Taça de Évora - Vitória nos penaltis coloca SP.Viana nos quartos de final










Depois da época natalícia os jogos voltaram ao Faria e Melo, logo com um encontro de elevada dificuldade em que a nossa equipa recebeu o Lusitano de Évora numa partida a contar para os oitavos de final da Taça de Évora. Sabíamos de antemão que pela frente tínhamos uma equipa composta na sua maioria por jovens ambiciosos e de grande qualidade que no Campeonato Distrital apenas estão a 1 ponto do SP.Viana e que na Taça viriam a Viana do Alentejo com a lição bem estudada e com muita vontade de passar á eliminatória seguinte. Apesar de bem cedo o SP.Viana tomar conta do jogo e criar algumas oportunidades de golo e ao contrário dos últimos jogos os nossos jogadores não estiveram felizes ao nível da finalização e acabou mesmo por ser o Lusitano de Évora a chegar ao golo numa jogada de "laboratório". A perder o SP.Viana podia ter chegado á igualdade na jogada seguinte mas Levy permite a defesa a Rodrigo. De seguida surge o 1º golo da tarde invalidado ao SP.Viana, num lance quase inacreditável o fiscal de linha marca posição de fora de jogo a Nhuka. Já perto do minuto 45, a nossa equipa acaba por merecidamente chegar ao empate, com Nhuka a fazer o 1-1 de grande penalidade após falta cometida sobre German. Na 2ª parte voltamos a entrar muito fortes e em mais 2 lances claros de golo não fomos eficazes e a partir daí assistimos a uma boa reacção do Lusitano que acabou por ser tornar mais perigoso, obrigando mesmo Tiago a aplicar-se em 2/3 lances de dificuldade elevada. Com o aproximar do final do jogo as equipas começaram a ter mais cautelas e o prolongamento tornava-se uma realidade. Na 1ª parte do prolongamento o tão esperado golo acaba por surgir através de Kelvin que aproveita um corte defeituoso da defesa do Lusitano e faz assim o 2-1. Com este golo esperava-se que a nossa equipa estivesse bem mais próxima da vitória e já com o adversário com as linhas bem subidas no terreno, Kelvin tem nos pés o 3º golo mas a bola passa a escassos centímetros do poste. Os jogadores do Lusitano á semelhança de todos os lances da partida nunca desistiram de disputar o jogo e num lançamento na frente em que Faianco foi mais rápido que a nossa defensiva surge o 2-2 a cerca de 4 minutos do final do prolongamento. Tempo ainda para mais um golo anulado a Nhuka em mais um fora de jogo inexplicável...Balde de água fria no Faria e Melo e as equipas a ficarem entregue á lotaria dos penaltis. Na marcação das grandes penalidades o SP.Viana foi mais feliz e competente e acabou por vencer a partida, com o nosso guarda redes Tiago em destaque ao defender duas grandes penalidades e Cláudio apesar da sua juventude e mostrar "sangue frio" ao marcar a grande penalidade decisiva de forma exemplar. As duas equipas estão de parabéns pelo excelente espectáculo que proporcionaram aos muitos espectadores presentes e pela forma como o Lusitano de Évora se entregou ao jogo acabou por valorizar ainda mais a nossa vitória. Palavra final para os jogadores do SP.Viana pela forma como lutaram e se entregaram ao jogo, fazendo uma das melhores exibições desta época desportiva, justificando de forma merecida a passagem aos quartos de final da prova.

Jogaram: Tiago, David, Brunny, Setúbal, Luís Rodrigues, Mesquita, German, Carrasco, Levy, Kelvin e Nhuka.

Jogaram ainda: Jorge, Conchinha e Cláudio.

Não utilizados: Zé Pedro, João Sousa, Luis Coxola e Luis Figo.

terça-feira, dezembro 23

Séniores - Taça de Évora - SP.Viana - Lusitano de Évora


Benjamins - Futsal - Casa Benfica VN 4 - SP.Viana 1


No passado domingo a nossa equipa de benjamins disputou mais uma jornada do Campeonato Distrital de Futsal onde se deslocou a Vendas Novas para defrontar a Casa do Benfica averbando a 1ª derrota desta época por 4-1. Sabíamos de antemão que este jogo era de dificuldade máxima, pois pela frente tínhamos o 1º classificado embora em igualdade pontual com o SP.Viana. Apesar da dificuldade do jogo e de algumas contrariedades em termos da ausência do nosso atleta Afonso a equipa deslocou-se a Vendas Novas para pontuar e teve até uma entrada em jogo muito positiva, chegando á vantagem por intermédio de João Peralta. A equipa da casa não baixou os braços e aos poucos começou a tomar conta da partida, mostrando ser uma equipa forte, homogénea e que obviamente tira partido do facto de apenas jogar e treinar Futsal, ao contrário da nossa equipa que conjuga o Futsal e o Futebol de 7. A Casa do Benfica de Vendas Novas viria a chegar ao empate a 1-1 antes do intervalo, regressando assim as equipas aos balneários com um empate no marcador. Na 2ª metade do jogo o cansaço começou a deixar marcas nos nossos jogadores, enquanto que o nosso adversário com uma grande rotatividade dos seus jogadores consegue manter um ritmo alto na partida e causar assim sérias dificuldades para a nossa baliza. O 2-1 e respectiva reviravolta acaba por surgir com alguma naturalidade e pouco tempo depois o 3-1 com a nossa equipa a atravessar o pior momento no jogo. Numa altura em procurávamos reduzir a desvantagem os locais numa boa jogada colectiva fazem o 4-1 final. Até final podíamos e devíamos ter reduzido a desvantagem em duas oportunidades claras de golo, mas por ineficácia acabamos por não voltar a marcar e possivelmente dar uma vantagem preciosa ao nosso adversário. Em suma a vitória acaba por ficar bem entregue, pois pela frente tivemos o adversário mais forte destas duas ultimas épocas, que nos criou inúmeras dificuldades, dificuldades essas que pareceram “atordoar” os nossos jogadores que em diversas ocasiões já mostraram ser capazes de fazer bem melhor...é verdade que este resultado não era nada daquilo que tínhamos em mente, mas iremos continuar a trabalhar da mesma forma e até ser matematicamente possível vamos continuar a acreditar e lutar pelos nossos objectivos.

domingo, dezembro 21

Vitória expressiva na inauguração do sintético de Cabrela





Nesta tarde de sábado, a nossa equipa foi a Cabrela inaugurar o seu sintético, o resultado foi de uns expressivos 0-10. Onde Nhuka se destacou pelo seu “poker” e Djerman assinou mais um hattrick. Quando ao jogo propriamente jogado, a nossa equipa cedo começou a construir uma exibição solida e num canto aos 4 minutos Levy inaugura o marcador, a partir dai a nossa equipa acelerou um pouco mais e os golos surgiram naturalmente, quer por Djerman quer por Mesquita (que de livre faz um belíssimo golo). Chegamos ao intervalo a vencer por 0-5.No início da segunda metade do encontro, esperava-se um pouco mais dos visitados mas isso não aconteceu! Como já tinha acontecido em Borba, continuamos a carregar e mais golos surgiram. Em suma mais uma vitória merecida e sem contestação. 


Jogaram: Tiago, Zé Pedro (cap), Setubal, Brunny, Luis Rodrigues, Mesquita, Djerman, Carrasco, Levy, Kelvin e Nhuka

Jogaram ainda: Jorginho, Luís Coxola e Conchinha.

Não utilizados: João Sousa, Cláudio e Luís Figo.

quarta-feira, dezembro 17

Benjamins - Fut7 - Redondense (B) 1 - SP.Viana 9


Na fria e chuvosa manhã de sábado os nossos benjamins deslocaram-se a Redondo para mais uma jornada do Campeonato Distrital de Futebol de 7 e trouxeram os 3 pontos para Viana do Alentejo depois de uma vitória por 1-9. Com o objectivo de poder passar á 2ª fase da competição os nossos jogadores apenas tinham em mente a vitória e pese alguma dificuldade inicial a equipa deu uma boa resposta e acabou ir dilatando o marcador até aos 1-9 finais. Objectivo cumprido com mais uma vitória e respectivos 3 pontos e para além disso mais uma boa resposta dos jogadores em especial para alguns jogadores menos utilizados esta época que neste jogo souberam aproveitar esta chamada para dizer "presente"...
Golos: João Peralta (5), Henrique (3) e Luís (1)

Benjamins - Futsal - SLE (B) 0 - SP.Viana 10


Na 5ª jornada do Campeonato Distrital de Futsal o SP.Viana deslocou-se a Évora para defrontar o Sport Lisboa e Évora (B) e somou o quinto triunfo consecutivo nas 5 jornadas já disputadas, sendo o resultado final de 0-10. O adversário de domingo já conquistou 3 vitórias nesta edição da prova e a nossa equipa estava alerta para esse facto e como tal o jogo foi encarado de forma muito responsável pelos nossos jovens jogadores e pese embora um inicio forte do SLE onde Miguel se destacou com duas grandes defesas o jogo acabou por correr de feição como mostra o placard final de 0-10. Mais uma importante vitória num pavilhão difícil e perante uma equipa muito aguerrida que nos permite manter o 2º lugar, com os mesmos pontos do 1º classificado a Casa do Benfica de Vendas Novas. Na próxima jornada o SP.Viana desloca-se a Vendas Novas num jogo que se espera de dificuldade máxima e porventura decisivo para as contas finais da prova.

Golos: João Peralta (6), Rui (1), Henrique (1), Afonso (1) e Auto-Golo.

domingo, dezembro 14

Chuva de golos em Borba



Na 14ª jornada da Elite o SP.Viana deslocou-se a Borba e acabou por vencer de forma inequívoca por 2-10. Fruto do bom momento que a equipa vem atravessando esta deslocação a Borba foi encarada com muita determinação por parte dos nossos jogadores no sentido de obter mais 3 pontos e manter o clube na perseguição ao líder da tabela classificativa. A equipa local apresentava-se em campo moralizada com a vitória na jornada anterior no campo do Redondense, e como tal o SP.Viana procurou entrar forte e controlar a partida para não ser surpreendido. O 1º golo viria a surgir bem cedo com Carrasco a inaugurar o marcador e pouco depois o 0-2 por Djerman. O Borbense ainda viria a reduzir para 1-2, mas era óbvio que a equipa passava por muitas dificuldades perante um Sporting de Viana "endiabrado" na frente de ataque, e pior ainda ficou com o surgimento de mais 3 golos para a nossa equipa. Antes do intervalo o Borbense ficaria reduzido a 10 elementos e deixava no ar uns segundos 45 minutos ainda mais desnivelados. Na 2ª parte a superioridade do SP.Viana foi ainda mais evidente com a nossa equipa a marcar golos para todos os gostos, chegando aos 10 golos no encontro. O adversário ainda viria a marcar mais uma vez, fazendo com que o jogo terminasse com o placard final de 2-10. Destaque para Djerman e Kelvin que fizeram um hattrick no jogo, para Nhuka que bisou e também para Luis Coxola que regressou aos golos. 


Jogaram: Tiago, Zé Pedro, Setubal, David, Brunny, Mesquita, Djerman, Levy, Carrasco, Kelvin e Nhuka.

Jogaram ainda: Luís Coxola, Luís Figo e Conchinha.

Não utilizados: Luís Rodrigues e Cláudio. 

segunda-feira, dezembro 8

Vitória por 0 - 4 em Lavre




Na 13ª Jornada da Divisão de Elite da AFE o SP.Viana deslocou-se a Lavre e venceu a equipa local por 0-4. Era esperada uma jornada difícil nesta deslocação a Lavre, pois a equipa da casa no seu reduto mostra-se sempre bastante galvanizada e aguerrida o que o torna um adversário complicado de ultrapassar. Mas o SP.Viana que vem de uma série de bons resultados e exibições entrou em campo muito determinado e com um futebol bastante esclarecido criou inúmeras dificuldades ao adversário. O 1º golo para a equipa de Viana do Alentejo surgiu com alguma naturalidade com Nhuka a inaugurar o marcador. Já bem perto do final da 1ª parte Nhuka voltaria a marcar, indo o jogo para intervalo com a nossa equipa a vencer por 0-2. Na 2ª parte do encontro pouco mudou na partida, com O SP.Viana sempre no comando do jogo e novamente com alguma naturalidade vê Kelvin fazer o 0-3. Já na recta final do jogo seria a vez de Levy fazer o 0-4 final. Importante vitória num campo complicado numa jornada muito positiva para a nossa equipa que depois de ser dada como "afundada" por alguns só já está a 3 pontos do 1º classificado.


Jogaram: Tiago, Luís Rodrigues, Setúbal, Brunny, David, Mesquita, Djerman, Levy, Kelvin, Nhuka e Carrasco.

Jogaram ainda: Cláudio, Jorge e Zé Pedro.

Não utilizados: Luís Coxola e Luís Figo.

sábado, dezembro 6

Benjamins - SP.Viana 3 - Geração Benfica A 2


Foto: Na manhã de hoje os nossos benjamins entraram em campo para mais uma jornada do Campeonato Distrital de Futebol de 7, recebendo em Viana do Alentejo a Geração Benfica/St.António. Perspectivava-se um grande jogo antes da partida e quem se deslocou ao Faria e Melo não saiu com as perspectivas goradas, pois em campo estiveram duas equipas que ocupam a 2ª e 3ª posição da Tabela Classificativa e que muito teem feito pela vida esta época desportiva. Com o Lusitano de Évora a assegurar praticamente o 1º lugar a nossa equipa discute neste momento com a Geração Benfica o 2º lugar e respectivo acesso á 2ª fase. Á entrada para esta jornada as duas equipas tinham os mesmos pontos embora a equipa de Évora some mais um jogo, e como tal hoje era muito importante vencer, pois já o tínhamos feito em Évora e caso vencêssemos o jogo de hoje a vantagem aumentaria para 6 pontos. O jogo começou da melhor maneira para o SP.Viana que chegou á vantagem por João Peralta, pese embora a excelente réplica que o adversário vinha dando. Ao intervalo o marcador ditava uma vantagem de 1-0 para a nossa equipa. Na 2ª a Geração Benfica começa melhor e consegue fazer o 1-1 mas prontamente a nossa equipa responde e com um grande golo de Luis Grosso chega ao 2-1. Já perto do final da partida o nosso adversário chega ao 2-2. Quando todos pensavam que o jogo terminaria com a divisão de pontos, João Peralta arrisca num remate de bastante longe e surpreende o guarda redes adversário fazendo o 3-2 final. Acabou acima de tudo por ser um grande jogo de futebol em que nenhuma das equipas merecia perder, mas acabou por ser o SP.Viana mais feliz e amealhar mais 3 pontos importantíssimos para uma possível passagem á 2ª fase da competição.

Na manhã de hoje os nossos benjamins entraram em campo para mais uma jornada do Campeonato Distrital de Futebol de 7, recebendo em Viana do Alentejo a Geração Benfica/St.António. Perspectivava-se um grande jogo antes da partida e quem se deslocou ao Faria e Melo não saiu com as perspectivas goradas, pois em campo estiveram duas equipas que ocupam a 2ª e 3ª posição da Tabela Classificativa e que muito teem feito pela vida esta época desportiva. Com o Lusitano de Évora a assegurar praticamente o 1º lugar a nossa equipa discute neste momento com a Geração Benfica o 2º lugar e respectivo acesso á 2ª fase. Á entrada para esta jornada as duas equipas tinham os mesmos pontos embora a equipa de Évora some mais um jogo, e como tal hoje era muito importante vencer, pois já o tínhamos feito em Évora e caso vencêssemos o jogo de hoje a vantagem aumentaria para 6 pontos. O jogo começou da melhor maneira para o SP.Viana que chegou á vantagem por João Peralta, pese embora a excelente réplica que o adversário vinha dando. Ao intervalo o marcador ditava uma vantagem de 1-0 para a nossa equipa. Na 2ª a Geração Benfica começa melhor e consegue fazer o 1-1 mas prontamente a nossa equipa responde e com um grande golo de Luis Grosso chega ao 2-1. Já perto do final da partida o nosso adversário chega ao 2-2. Quando todos pensavam que o jogo terminaria com a divisão de pontos, João Peralta arrisca num remate de bastante longe e surpreende o guarda redes adversário fazendo o 3-2 final. Acabou acima de tudo por ser um grande jogo de futebol em que nenhuma das equipas merecia perder, mas acabou por ser o SP.Viana mais feliz e amealhar mais 3 pontos importantíssimos para uma possível passagem á 2ª fase da competição.